segunda-feira, outubro 17, 2011

E se...

E se a sua felicidade morasse a duas quadras? Se estivesse logo ali, e você só precisasse atravessar a rua para ser feliz? Mas... E se fosse uma avenida movimentada, onde é quase impossível caminhar? Você desistiria? Ou você correria de forma desenfreada, arriscando tudo pelo seu Sonho? Se assim o fizesse, correria o risco de morrer, mas morrer tentando. Se ficasse do outro lado da rua, observando, procurando uma oportunidade que nunca viria, isso tampouco é viver. Viver é arriscar, é experimentar, é se perguntar "Por que não?" e dois segundos após realizar. No meu caso eu arrisco, mesmo sendo 400 ou 4.000 quilômetros.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba as postagens por e-mail